Ir para o conteúdo

(38) 3841-1513
(38) 3841-4761
gabinete@salinas.mg.gov.br
Segunda a Sexta-feira das 07 horas as 17 horas
Siga-nos
Prefeitura de Salinas - MG
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Youtube
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
JUL
05
05 JUL 2022
SAÚDE
Capacitação para Descentralização das atividades do Programa de Controle da Febre Amarela/Epizootias é realizada em Salinas
enviar para um amigo
receba notícias
Foi iniciada na manhã desta terça-feira (05), no Portal do Desenvolvimento, a capacitação para Descentralização das atividades do Programa de Controle da Febre Amarela/Epizootias. O treinamento teórico-prático irá até a quinta-feira (07).

A capacitação é fruto de uma ação conjunta entre a Secretaria de Estado da Saúde de Minas Gerais (SES-MG), Fundação Ezequiel Dias (Funed), Centro de Controle de Zoonoses de Belo Horizonte e o Instituto Federal do Norte de Minas Gerais (IFNMG).

Subordinada à SES, a Superintendência Regional de Saúde de Montes Claros promoverá a 1ª capacitação de referências técnicas de seis municípios - Salinas, Fruta de Leite, Novorizonte, Padre Carvalho, Rubelita e de Santa Cruz de Salinas - que integram a microrregião.

Wexley Miranda Mendes, Secretário de Saúde, destacou que esta política de descentralização é um desejo antigo, pois foca principalmente nas necessidades do município e que “percebemos que vem sendo tratada de uma maneira eficaz”.

A Coordenadora de Epidemiologia, Rita de Cássia, ressaltou que este é um projeto piloto, o primeiro do estado. “Um projeto importante, que visa a descentralização das ações de febre amarela”, conclui.

A Coordenadora Estadual das Arboviroses do Programa de Controle das doenças transmitidas pelo Aedys, Danielle Capistrano, afirmou que “quando investimos no trabalho de vocês, no trabalho de campo, estamos trabalhando o risco. Trabalhar o risco é a gente poder prever e deflagrar ações dentro de um plano de contingência, para que a doença não chegue ao ser humano”.

Francisco Elias, Gerente do Centro de Controle de Zoonoses (Belo Horizonte), destacou o trabalho da fase pré-clínica, de coleta e análise do material. Sobre a troca de experiências, afirmou que “acredito que irei aprender mais com vocês" devido ao ambiente de trabalho que atuam.
Seta
Versão do Sistema: 3.2.8 - 16/11/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia